quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Rotinas...

Não me lembro se vos cheguei a dizer mas agora tenho um horário rotativo no estágio. São três horários diferentes, nomeadamente das 8h00 às 16h00, das 9h00 às 17h00 e das 11h às 19h00. 
 
Apesar de ser uma dorminhoca nata e odiar acordar cedo, o horário que menos gosto é o das 11h. Tenho de acordar cedo na mesma, passo mais tempo em transportes porque a frequência não é a mesma, não consigo ir ao ginásio a não ser que queira abdicar de dormir à séria e mesmo assim não tenho tempo para o lazer. 

Não é o fim do mundo, este horário só acontece de três em três semanas, mas não deixa de ser um incomodo quando essa semana chega.

Na semana passada tive nesse horário, não fui ao ginásio, tirando sexta e domingo... tentei fazer uns exercícios em casa meio improvisados para me sentir menos culpada.

Estou umas graminhas mais leve, não sei se perdi peso ou se simplesmente perdi músculo nesta semana que passou.

De qualquer maneira, esta semana voltei ao ginásio e estou a dar ao litro! 
Agora vou dormir, que amanhã tenho de acordar às 6h00 e já estou a perder horas preciosas de sono!

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Deixei de sonhar...



Com este titulo até parece que abandonei um sonho de longa data, que perdi a esperança e por ai fora. Mas sinceramente não sei se seria melhor essa situação ou a minha situação actual. Vá vamos confessar, tenho tendências melodramáticas e para isto já não tenho cura. O meu estágio continua lindo e maravilhoso, o ginásio continua no sitio, tal como a minha casa. MAS...

O meu problema é que neste ultimo mês ando tãooo cansada, mas tãoooo cansada, que fecho os olhos, volto a abrir e já é de manhã. O sentimento de prazer e de escape que sentia ao dormir, desapareceu por completo e são umas 6/7 horas da minha vida que parece que me passam à frente todos os dias e eu nem dou por eles.

Estou tão cansada que nunca mais me lembrei de um sonho que seja e muitos conseguem viver com isso, mas eu... sinto-me como se não tivesse dormido!

Resumidamente... estou a dar em maluca e ainda nem tenho filhos!

domingo, 8 de novembro de 2015

Novo Treino

Quando entrei no ginásio deram-me um plano de nível 1 para perda de massa gorda. Este treino baseava-se num dia de cardio e num dia de musculação com duas séries de 20 em cada uma das máquinas indicadas. Realizava este treino cinco dias por semana, alternando entre um e o outro. Eu gostava deste tipo de treino, mas tenho de confessar que tirando os primeiros dias, este treino estava muito dentro da minha zona de conforto, apesar de fazer por gosto, não era um treino em que sentisse que estava a ser desafiada.


Na minha segunda avaliação a minha instrutora decidiu fazer um treino personalizado para mim. O dia 1 é um treino normal, tenho de fazer 3 séries de 15 repetições em cada exercício, descansando 30 segundos depois de cada série de repetições e o dia 2 é um treino de circuito, tenho de fazer uma série de cada exercício e passar logo ao segundo, descansando  apenas no final de cada circuito. Este treino têm 3 circuitos/ 3 repetições. 




Apesar de achar que existe uma exigência maior no treino de circuito, custa-me mais fazer o treino normal. Só pelo facto de me custar imenso fazer flexões... e ainda mais os burpees... dão cabo de mim!

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Update sobre a minha alimentação


Para os mais distraídos, eu estava ou estou a seguir a dieta dos 31 dias da Ágata Roquette. Comecei a dieta em Maio e nesta altura já devia ser super elegante. Coisa que não aconteceu até porque perdi apenas 7/8 quilos e entretanto estagnei... e os 10 quilos que ainda queria perder, ficaram pelo caminho. 

Entretanto adicionei exercício físico à mistura e deixei de me preocupar exageradamente com o peso depois de estar a pesar mais do que pesava em Julho, mas com menos volume do que tinha na altura.

O meu ginásio têm serviço de nutrição e por um acaso comentei com um dos instrutores a quantidade de hidratos de carbono que consumia por dia (um pão integral ao pequeno-almoço e uma peça de fruta ao lanche) e o senhor ficou chocado e achou que devia fazer algumas mudanças porque para o tipo de alimentação que estou a fazer não é saudável para a quantidade de exercício que pratico. 

Com isto meus senhores... decidi adicionar hidratos de carbono complexos ao meu almoço.

Portanto continuo a fazer a dieta dos 31 dias, mas basicamente passei para a terceira fase da dieta.

Isto quer dizer que posso comer ao almoço:
  • arroz integral;
  • massa integral;
  • feijão;
  • grão;
  • milho; 
  • ervilhas;
  • cenoura cozida;
  • abóbora;
  • beterraba;
  • favas;
  • lentilhas;
  • batata doce.

Acreditem ou não, isto vão revolucionar totalmente a minha alimentação. Tenho é um medo tremendo de engordar, mas pronto... tenho de deixar de ser tola!

terça-feira, 3 de novembro de 2015

Brincar às dietas


Isto já soa a um pouco fora de prazo, mas sábado tive uma festa de pijama de halloween com alguns dos meus colegas de curso. O plano era ir às compras, fazer o jantar e fazer uma maratona de filmes de terror pela madrugada fora. 

Fomos às compras, ora foi vodka, ora foi gomas, ora foi chocolates, massa folhada, ovos, carne picada, queijo e fiambre, moscatel e provavelmente mais algumas coisas que a minha mente não permite.

Claro que já sabia o que me esperava quando confirmei a minha ida a esta festa. 

Os meus colegas falavam em shots de vodka com gelatina e outros com gomas, falavam em croissans recheados com kitkat, falavam em panquecas com nutella e o grande prato principal que consistia num rolo de carne em forma de pessoa e com muito ketshup a fazer de sangue... claro que tinha de ser acompanhado com batatas fritas.

Não comi à desalmada... mas enchi-me de shots de vodka com gomas o que não é nada bom. Não só não aguentei a noite toda acordada como também fiquei com uma dor de barriga espectacular.

Pior... pior... foi ter ido a outra festa no dia seguinte, mas desta vez com quase todos os meus colegas na casa de uma delas. O almoço foi lasanha e havia um monte de iguarias, desde semi-frios a bolos de chocolate. Comi uma porção de lasanha, lanchei uma taça de serradura e jantei uma fatia de semi-frio.

Epá sou tão saudável ...

Resumindamente, daqui nada vocês acham que ando p'raqui a brincar às dietas e que este é o blogue da asneira.

Este mês não vou a mais festa nenhuma, prometo.