quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

*Dia 28 - Qual é a tua definição de traição?

Trair não é apenas quando te envolves com outra pessoa, quando a beijas ou tens sexo com ela, só o facto de andares a mandar mensagens para outra pessoa a flertar e esconderes isso do teu companheiro, de certo modo já estás a trai-lo.

*Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor

Dia 6 e 7

Segunda-feira
O treinador ainda não me trouxe nenhum plano de exercício por escrito, mas tive a fazer uns exercícios indicados por ele, ele disse que queria ter uma noção do meu nível físico primeiro e por isso acompanhou-me o treino de hoje a tempo inteiro. 

  • Corrida no campo de futebol : 10 minutos

Musculação (35 minutos)
  • 2 Séries de 20 na máquina de Lat Pulldown (20 quilos)
  • 2 Séries de 20 na máquina de High Pectoral Fly (5 quilos)
  • 2 Séries de 20 na máquina de Leg press (35 quilos)

  • 2 Séries de 20 na máquina de Prone leg Curl (20 quilos)
  • 2 Séries de 20 de abdominais 

Cardio (1 hora)
  • 45 Minutos de Step: 586 kcal (variando entre o nível de resistência 5 e o 7)
  • 15 Minutos de Passadeira: 105 kcal (média de 6 kmh)


Terça-feira - Não fui ao ginásio porque estava com uma dor de costas e de pernas que mal me conseguia mexer, já na universidade o meu dia inteiro foi uma tortura.

Quarta-feira
Hoje continuei com dores mas já eram suportáveis por isso regressei ao ginásio. O treinador já me deu um plano de exercício, ficou num dossier no ginásio mas talvez traga na sexta-feira para vos mostrar. Ele deu-me dois treinos para alternar cada dia que vou lá, um deles têm um pouco de cardio (para aquecer) e o resto musculação e outro que é só cardio, ele disse-me que caso for uma quantidade de dias ímpar por semana, para dar mais importancia ao treino que é apenas cardio em vez do da musculação.

Cardio (90 minutos)
  • 45 minutos de step (começar na resistência 5, subir até a 7 e descer até a 5 de novo) - 590 kcal
  • 45 minutos de passadeira (media de 6kmh, como ainda estava com dores, não corri) - 428 kcal


quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

*Dia 27 - Qual é a tua definição para uma relação aberta? O que achas sobre isso?


Uma relação aberta é algo complicado, os parceiros concordam entre si que poderão envolver-se com outras pessoas, contudo mantêm um compromisso, é quase consistir com uma traição, que no fundo não se pode chamar traição por ser permitida pelo parceiro. Existe quem acredite que este tipo de relação pode ser bastante benéfica para a relação, principalmente quando querem apimentar a coisa depois de alguma monotonia na relação. Nunca tive uma relação aberta e nem era capaz de ter uma, parece tudo muito engraçado em curto-termo mas acho que é quase impossível de durar a longo-prazo, até porque a maior probabilidade é um deles acabar magoado.

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Sorte desgraçada


Eu e as minhas colegas fomos quase a correr para a estação de comboios porque já estava quase em cima da hora do comboio, chega à hora certa, e o comboio que costuma chegar 4/5 minutos antes da hora, nada dele, começamos logo a conspirar contra os senhores da CP, depois de muita macaquice em tom de brincadeira, tanto eu como a C. dissemos que se calhar alguém tinha morrido, a minha colega IS. ainda no tom de brincadeira, constatou que tal coisa não poderia ocorrer "ninguém quer morrer a esta hora ao frio" e ainda em conversa acrescentamos sendo quase hora de jantar, ninguém ia querer morrer de barriga vazia.

Coisa de 10/15 minutos depois, aparece o comboio, entramos e a porcaria do comboio "foi abaixo" desligando e ligando a luz rapidamente, voltamos a fazer piadas que estávamos num filme de terror e descemos os "cortinados" do comboio, poucos minutos depois, perto de Palmela a I. soube aquilo e lá fora só se via escuridão, até que de repente vê as luzes de uma ambulância, continua a olhar e foi assim que ela viu algo muito gráfico, uma pessoa morta na linha... brincamos tantos que se tornou realidade... Com isto tudo, já devia estar em casa hora e só cheguei agora... é lamentavel a quantidade de vezes que este tipo de suicídio ocorre, curiosamente é sempre no mesmo sitio, tal como vós falei no ano passado aqui.

*Dia 26 - És muito meloso/a ou ciumento/a?

Eu bem que tento não mostrar, mas ao longo que fui envelhecendo, fui-me tornando ciumenta, pelo menos desde que namoro com o M., sei que o ciúme é um sentimento destrutivo e por isso mesmo tento que este não me domine, o facto é que tenho medo de o perder, que um dia alguma moça mo roube de mim. O meu namorado é uma paz de alma, nunca me deu motivos para desconfiar dele, mas não consigo evitar fazer alguns filmes na minha cabeça (só não lhe conto ou mostro a maioria das vezes em que isto acontece)... Quanto ao ser melosa, não costumo ser com as palavras e quando sou, é só com aqueles nomes pussy's que chama-mos um ao outro até porque eu nunca fui de aflorar muito as conversas, mas como dizemos cá entre nós, passamos a vida a dar "mimes" um ao outro. :)



segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

25 - Ficas com ciúmes de outros casais quando estás solteiro/a?

Eu gosto de estar sozinha e ter tempo para mim e para as minhas coisas, mas se existe coisa que não gosto de sentir é solidão. Engraçado que nos meus tempos de solteira, pensei sempre "fixe! agora devia sair mais com amigos e fazer as minhas coisinhas direitinho a meu tempo sem ter que me preocupar" e é tudo muito engraçado, até vir a nostalgia ao de cima, ver casais felizes, a andar de mão dada, a dar beijinhos apaixonados, abracinhos e brincadeiras carinhosas é quase como se fosse veneno para uma pessoa solteira, ainda mais quando se "sente sozinha", podemos estar rodeados de amigos mas sentimos sempre falta de alguma coisa...Portanto sim, fico com ciúmes, e depois entro numa fase meio masoquista em que vejo e oiço músicas românticas quase como se me quisesse castigar.


p.s para não estar a fazer tantos posts sobre o exercício físico e estar sempre a falar da mesma coisa, vou fazer apenas 2 posts por semana com a junção de 2 ou 3 dias.

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Balanço da Semana


Há duas semanas atrás sentia-me sempre cansada, preguiçosa, sem vontade de fazer nada, o meu corpo era apenas um peso que arrastava de um lado para o outro. Incrivelmente, apenas só com uma semana de ginásio, senti uma mudança incrível em todos os aspectos, apesar de chegar em casa exausta, sinto-me com energia para fazer tudo o que devia fazer do meu dia-a-dia e as vezes mais alguma coisa.

Mesmo sabendo que estou gordinha, parece que me vejo com outros olhos, não consigo sentir raiva do meu corpo, apenas orgulho do que fiz durante a semana inteira. 

A única desvantagem que tenho visto, é que não me consigo concentrar tão bem na escola como devia, sempre me disseram que se estudar-mos depois de fazer exercício físico, que armazenamos mais informação. Não sei se é por causa da professora em si*, ou se sou eu que estou demasiado cansada para prestar atenção, de qualquer maneira, espero que esta questão se resolva rápido.

Não perdi nenhum peso esta semana, como também não ganhei, mas não vou entrar em paranóia, porque resultados demoram a aparecer. Tentei manter uma alimentação saudável, comi muito à base de fruta, saladas, sopas, cereais (ao pequeno almoço) e iogurtes, tirando o fim de semana que cometi alguns deslizes e se calhar ainda vou cometer (logo se vê).

Bem agora vou-me despachar para ir para a piscina (vamos lá ver o que eu vou fazer que mal sei nadar)

*talvez um dia fale sobre isso aqui

* Dia 24 - És bom/a a dar conselhos amorosos a outras pessoas?

Isto é aquele tipo de pergunta que teria de fazer aos meus amigos e não a mim. De facto tento dar opiniões sinceras relativas a diversas situações, tentando mostrar aquilo que acho que seria melhor para eles, para a felicidade deles a longo prazo. Agora se sou boa nisso... teria de fazer perguntar a todos os meus amigos primeiro. Acho que pelo menos nunca prejudiquei ninguém com os meus conselhos, se acham que sim, acusem-se!

ASemNome sei que viveste uns momentos difíceis depois de seguires o conselho que te dei, contudo continuo a achar que foi o melhor para ti, porque quem não arrisca não petisca e mesmo que não tenhas petiscado, tens mais tempo para seguir com a tua vida e embarcar noutra aventura em vez de estares presa a essa, se me entendes.

sábado, 23 de fevereiro de 2013

*Dia 23 - Já partiste o coração a alguém?

Curiosamente, no inicio da minha adolescência, se me dissessem que iria partir o coração a alguém, iria pensar que essa pessoa seria doida, tinha um auto-estima muito baixo e achava que se um dia alguém realmente gostasse me mim, teria de ficar com essa pessoa e pronto. Claro que isso não mostrou a realidade e apesar de ter sofrido bastante na pele por causa de relações disfuncionais, cheguei a errar com amigos meus, dei falsas esperanças mesmo sem reparar, de modo inconsciente ou apenas pelo receio que a pessoa se afastasse, mas o facto é que não me sinto orgulhosa disso, felizmente das pessoas (de quem sei) que parti o coração, conseguiram ultrapassar e seguiram com a sua vida, como também não me guardaram rancor ou pelo menos mantiveram-se por perto e não me mostraram tal coisa...

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Dia 5

Hoje acordei sem vontade nenhuma de ir ao ginásio, mas para me forçar a ir, levei a mala atrás para a universidade. Não quis abusar na mesma, até porque depois de procurar muitas opiniões, cheguei à conclusão que se calhar puxei de mais para a 1º semana, mas como a minha irmã diz "aguentei-me à bomboca" e fiquei muito satisfeita comigo mesma.

Hoje fiz
15 minutos de step (começando no nível de resistência 5, aumentando até ao 7 e progressivamente diminuindo de novo) = 200kcal
20 minutos de elíptica (alternando entre o nível 6 e o 8 de 2 em 2 minutos) = 134 kcal
10 abdominais de pernas 

Muito pouco comparativo com a última semana, mas acho que foi o melhor...


*Dia 22 - Qual é o filme de romance que mais gostas?



O filme de romance que mais gosto é "10 Things I Hate About You" ou no português "10 Coisas Que Odeio Em Ti". Curiosamente é dos primeiros filmes "com pessoas" que me lembro de ver e perceber, sinceramente é um filme que acho que nunca irei enjoar. Para já é um filme de comédia/romance e têm imensa graça; algumas coisas na história podem ser cliché, mas faz parte; têm um mini número musical super romântico da cena; fala de algumas coisas comuns da nossa adolescência e dos nossas típicas paixões e problemas envolvidos e uma história cheia de moral. Sem falar nos actores, sou fã de todos os actores principais, principalmente da Julia Stiles (adoro-a!) e o falecido Heath Ledger. Desconfio que 90% de vocês já tenha visto o filme, mas para quem não viu, recomendo avidamente!






quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

4º Dia

Ontem cheguei a casa, quase não me conseguia mexer, hoje acordei mais ou menos, mas com umas dores nas pernas que não podia, lá na universidade devem ter ficado a pensar que devia ter algum problema porque estava a andar toda torta...

Hoje Fiz
35 minutos de bicicleta, entre o nível 8 e o nível 10, a variar de 3 em 3 minutos - 255 kcal
35 minutos de musculação, 4 séries de vinte em 4 máquinas e 10 abdominais de pernas - +/- 160kcal
10 minutos, 4 séries de vinte flexões, 4 séries de vinte abdominais - ??? kcal

Durante a musculação senti mesmo as pernas a arder, houve algumas alturas em que pensei "não consigo mais", mas lá consegui finalizar cada série... Agora já estou cheia de dores outra vez, amanhã não sei como será, se irei ao ginásio ou não (ainda estou para decidir se devo fazer uma pausa).

*Dia 21 - Qual é a tua música romântica preferida?


Esta é a minha música romântica preferida

 

Esta é a música romântica com mais significado para mim


E esta é a primeira música que me vêm à cabeça quando penso em música romântica


 


Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor


quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

3º Dia





Hoje encontrei o treinador mal cheguei ao ginásio e como ele me tinha dito que quando eu tivesse oportunidade, para lhe pedir para fazer a avaliação física antes de começar o meu dia de treino. Depois de ter respondido a algumas questões e ter subido para cima de uma balança toda xpto, ele deu-me um relatório pessoal de avaliação física, fica aqui os resultados para vocês verem:


Nome: D.Pereira
Idade: 21
Altura: 1,57
Peso: 62,6

Composição Corporal
Peso Ideal Máximo: 61,38
Peso Ideal Mínimo: 45,60
% Massa Gorda: 30,8 Classificação: Pobre
% Líquidos Corporais: 50,4 Classificação: Normal
% Massa Muscular: 35,4 Classificação: Normal
Massa Óssea (Kg)*: 6,2
Frequência Cardíaca e Pressão Arterial
PA Máx. (mmHg): 15,6 Classificação: Hipertensão
PA Min. (mmHg): 9,1 Classificação: Hipertensão
Fc Repouso: 82 Classificação: Normal

IMA (índice metabólico activo): 1944 kcal


Fiquei insatisfeita por saber alguns pormenores, naquela balança tenho 1 quilo a mais do que em casa, tenho demasiada massa gorda e a minha tensão vai de mal a pior, se bem que não sei se posso confiar naquele resultado, o meu cunhado diz que tenho aquilo que se chama de síndrome da bata branca, o facto é que sempre que vou ao planeamento familiar, eles têm que me medir a tensão umas 4 vezes, porque eu fico com uma pilha de nervos sempre que ponho aquela máquina no meu braço, o treinador disse-me que sou nova e que com frequentando o ginásio a tensão deve baixar, mas se isso não acontecer, tenho de ir ao médico para ser medicada.

Voltando ao exercício físico, ele disse que me ia preparar um plano de exercício e que o facto de estar a frequentar o cardio em conjunto com a musculação que é a melhor coisa que decidi fazer, porque a maioria das mulheres fica-se pelo cardio, mas que eu só com o cardio não iria conseguir atingir o meu objectivo, que só perderia um pouco de peso no inicio mas depois iria estagnar, com a musculação, irei aumentar um pouco de peso ao inicio até porque a massa magra pesa mais que a gorda, mas que depois a situação iria-se reverter e conseguiria atingir os objectivos que pretendo, desde que faça as coisas direitinho.

Hoje ele disse-me para fazer 45 minutos de passadeira, 2 ou 3 minutos a correr, 2 ou 3 minutos a andar, sempre a váriar, na caminhada iniciei com 5,0 kmh e terminei com 6,2kmh e na corrida comecei com 7,0kmh e terminei com 7,0kmh e depois disse-me para ir para o step, começar no nivel 5, aumentar de nivel gradualmente e voltar a baixar quando estiver para terminar.

Hoje fiz
45 minutos de passadeira: 365 kcal (5,3 km)
15 minutos de step: 203 kcal


Hoje consigo sentir dores por todo o corpo, lombares, abdominais, pernas, quadril e braços. Engraçado que já não me lembrava de como era sentir-me assim e curiosamente agrada-me, sinto que tenho um corpo, antes estava apenas "dormente".


*Ao inicio achei muito estranho este resultado, 6,2 parecia-me um valor muito baixo para o peso dos ossos, mas tive a pesquisar na internet e pelos vistos, para alguém do meu peso, o normal é ter mais que 2,5, ou seja, tenho bastante massa óssea, a minha irmã disse que provavelmente este número equivalia à percentagem de massa óssea em relação ao meu corpo e não o peso que os ossos têm.


(isto é que foi um post gigante!)

*Dia 20 - Já foste colocado/a na "friendzone"?

 Outubro 2008
"(...) A tua voz, tornará-se rígida, como toda a tua postura perante mim (...), ocorre sempre uma troca de olhares, mas logo rápido se deviam, e caminhando, cada um vai pelo seu caminho. Lá se vão os tempos enamorados, os tempos de sol, mesmo não estando completa, permanecia-mos os dois, no mesmo caminho, caminhando com as nossas diferenças, com as nossas opiniões fortes, o nosso problema nunca foi sermos diferentes de mais, talvez o problema sempre tivera sido o oposto, sermos tão parecidos ao ponto de não conseguirmos admitir. E assim tudo se manteve, os dias passavam, e menos ligação ocorria entre nos, acordos e discussões, realidades e ilusões. O facto e que tudo o que parecia real, deixara de parecer, e todas as tuas promessas deixaram de parecer realidade, comecei a deixar de acreditar nelas, mas sempre com esperança, aguardando que uma palavra, um gesto, um acto mudasse tudo isso. Tudo começa se a perder pouco e pouco, pouco e pouco tudo começa a acontecer, e ai começa a fazer sentido, todos os meus pressentimentos, será realidade que estamos-nos a afastar? Os sentimentos podem parecer muito bonitos, mas parece que com o tempo começa a perder valor, começo a sentir um começo de desinteresse perante mim, sinto me menos atraente e mais insegura de mim mesma, nem a sorrir consigo parecer bela aos meus olhos, olhando me para o espelho, pensar pela milésima vez o que há de errado em mim?(...)"
Durante a minha adolescência tive vários amores platónicos não correspondidos, (vá não foram assim tantos, uns 3), felizmente dois deles foram rudes* ou directos o suficiente para não deixar cá ferida, já o outro iludiu-me e não foi pouco, mas pronto, de qualquer modo, foi daquelas coisas passageiras da adolescência.

*não gosto de ti, és gorda e feia (que simpático LOL... o que vale é que tínhamos 11 anos)

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

2º Dia

Há aula de Powercore uma vez por semana no ginásio e pensei que nunca poderia ir, porque calha sobreposta com uma aula que tenho na universidade, mas hoje a minha prof. de tecnologias artísticas tinha uma reunião na hora da aula e decidi ir mais cedo para ir ao ginásio. Eu não sabia o que era o Powercore, tinha uma certa ideia de que era algo relacionado com abdominais e flexões. Para quem não sabe, o Powercore é uma aula onde fazemos conjunto de exercícios localizados realizados com a ajuda de uma bola de exercício* e um tapete de ginástica, estes exercícios trabalham maioritariamente o abdómen, os glúteos, pernas e um pouco dos braços também.

Depois da aula de Powercore, fui com a minha colega R. fazer um pouco de cardio e a seguir fomos para a área da musculação, não sei o nome das máquinas em especifico, mas fizemos 4 repetições de 15 em 5 máquinas e 2 de 15 para terminar em 2 máquinas. Como disse não sei ainda o nome delas, mas a maioria era localizada para as pernas e glúteos, à excepção de 2 que trabalhavam os braços e algumas partes das costas também.

Hoje fiz
45 minutos de Powercore = +/- 200 kcal
22 minutos de bicicleta = 150 kcal
5 minutos de remo = 50 kcal
75 minutos de musculação = +/- 325 kcal


p.s Acordei com algumas dores, mas nada de especial, pior foi a dor no bumbum por causa da bicicleta, não tenho calças todas xpto com protecção no traseiro.


*bola de exercício é igual à da imagem

* Dia 19 - Conseguias imaginar-te num relacionamento com um dos teus/tuas amigos/as?

Setembro 2010
Conheci o M. em 2007 a partir de um amigo, depois de termos começamos a falar, não conseguimos parar, até que chegou a uma altura em que se tornou um dos meus melhores amigos. Apesar de ele se ter apaixonado por mim muito antes de termos começado a namorar, não era directo comigo, o que de certo modo me levou a cometer algumas decisões erradas pelo caminho. Disse-lhe muitas vezes "como achas que seria se namorássemos?", mas pelos vistos ele não me levou a sério, pensou que era uma brincadeira e eu acabei por pensar que ele não gostava de mim dessa maneira e desisti. Até que chegou a uma altura, que as coisas mudaram, ele começou a insistir estar comigo com mais frequência, até que se abriu comigo dia 25 de Abril de 2009, depois de uns copinhos a mais e graças a Deus a esses copos, porque se não tivesse sido isso, se calhar não teríamos começado a namorar uns dias depois.

Se me conseguiria imaginar num relacionamento com um amigo? Claro! Namoro com o meu melhor amigo, não poderia ter outra resposta.

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

1º Dia


Inscrevi-me no ginásio do IPS na sexta-feira e hoje fui lá pela primeira vez. fui durante uma hora em que estão lá os treinadores, tive uma constante orientação de um deles, que foi-me dizendo como as máquinas funcionavam e como primeiro dia, sugeriu-me fazer uns minutos específicos em cada um. Ainda nesta semana, vou fazer uma avaliação, para eles me medirem a tensão, verem a gordura corporal, imc e essas coisas todas.

Hoje fiz
10 minutos de bicicleta = 66 kcal 
20 minutos de eliptica = 102 kcal
20 minutos de passadeira = 99 kcal
10 minutos no step = 150 kcal
20 minutos (desta bicicleta) = 96 kcal

Limitei-me aquilo que o treinador me disse para fazer, porque também não queria sair de lá morta, neste momento não sinto muitas dores no corpo, mas sinto-me mole... amanhã é que vai ser bonito para andar.

btw a maquina de step matou-me, acho que o homem enganou-se, queria-me por no nível 1 mas na máquina dizia nível 8, a máquina têm um funcionamento totalmente diferente daquilo que pensava,  o objectivo dela, é manter os "pedais" sempre em cima, se não formos suficientemente rápidos, os "pedais" começam a descer e eu que pensava que aquilo era como subir as escadas, mas não, é estar sempre a levantar os pés e não fazer força.


*Dia 18 - Consideras-te romântico/a?

Curiosamente a visão que tenho de mim própria, é de uma pessoa pouco romântica e a maioria das vezes acho que sou fria e que devia falar e agir de maneira mais delicada, acho que até sou um bocadinho "labrega". Contudo, acho que as pessoas, têm uma visão sobre mim completamente diferente da minha. Qual é a vossa impressão sobre mim?

domingo, 17 de fevereiro de 2013

* Dia 17 - Queres-te casar algum dia?



Desde que me lembro, que me quero casar e idealizo pormenores sobre a festa, o vestido e outros detalhes e sinceramente mal posso esperar que daqui a uns anos o M. me faça aquele pedido. Eu não sou religiosa e para mim o casamento não é um papel, nem um nome ou estatuto, o casamento para mim é algo simbólico, é uma celebração, onde mostramos o nosso amor, aos nossos familiares e amigos mais próximos.

Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor

sábado, 16 de fevereiro de 2013

*Dia 16 - Quando te sentes atraído/a por alguém, o que reparas primeiro?


Não faço ideia do porquê, mas a primeira coisas que reparo em alguém é o sorriso, a maneira de como sorri, o sentimento que me transmite quando o faz, a sinceridade de tal e a beleza dos dentes. Engraçado que eu nem tenho uns dentes muito bonitos, mas é das coisas que atraem.

Como prometido


Como vos tinha prometido, aqui fica o novo videoclip dos Dixit em que participei. Apareço 2 vezes uns 5 segundos cada, conseguem-me descobrir?

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

*Dia 15 - Se pudesses voltar ao tempo e dar-te um conselho sobre um relacionamento, o que seria?

  • Ele não é assim tão giro como tu pensas.
  • Namorares com ele só porque é todo do rock é fútil.
  • Não cedas à tentação, isso é só carência provocada pelo período totó!
  • É inútil pensares que irás mudar os defeitos das pessoas, porque não vais conseguir.
  • Quem traí uma vez, traí duas ou três.
  • Ele é o teu género, tu é pensas que não! Já poderias estar com ele à mais tempo sua burra!
 Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

*Dia 14 - Como seria o dia dos namorados perfeito?

Eu sou o tipo de pessoa que não precisa de muitas mariquieces do dia dos namorados, fico satisfeita com um jantar romântico. Agora temos feito sempre em restaurantes, mas quando estivesse a minha casinha, não me importava nada de fazer algo fofinho à luz das velas. :)

btw, acabei agora de vir do restaurante, comi de tal maneira que acho que não tenho coragem de fazer a pesagem amanhã, devem ter sido mais que 1000 kcal de uma vez só.

Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

*Dia 13 - Achas que o dia dos namorados é sobrestimado?

 
É sempre bom receber uma surpresa do nosso parceiro, mesmo quando não é durante o dia dos namorados, mas por algum motivo, talvez pela importância que a sociedade dá a este dia, uma pessoa até fica tristonha quando o dia não corresponde às nossas expectativas. Eu tenho hábito de "comemorar" este dia, as vezes mais, as vezes menos, mas não nego que acho que é um dia sobrestimado, vejo-o mais como um dia comercial do que outra coisa. Considero que este dia é quase um modo de bullying contra os solteiros, mas também é um bom dia para obrigar aqueles(as) meninos(as) que são um bocado sovinas e não costumam dar estes pequenos mimos a sua cara metade.

Violada à saída de shopping


Saber que faz parte da minha rotina diária, apanhar o autocarro para casa e sair do autocarro para ir para a estação dos comboios que por acaso fica mesmo ao lado deste Centro Comercial deixa-me cheia de medo, principalmente depois de ter visto esta noticia... Esta jovem, poderia facilmente ser eu.

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

*Dia 11 - Achas que o amor pode durar para sempre?

Sinceramente não vejo porque não, se soubermos preserva-lo é algo que nunca desaparece. Com os ingredientes de uma boa relação, como o respeito, a confiança, o carinho, sinceridade, (...) e sem deixar de mencionar no sexo, não vejo o porquê de o amor não prevalecer.  Lá vai o cliché, o amor é como uma flor, se tratarmos bem dela, ela florescerá, se a negligenciarmos, ela murchará.

Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor

CP

O meu segundo semestre começou hoje, a minha universidade optou por não dar interrupção lectiva durante a época do Carnaval e sinceramente nem vejo grande problema nisso, até pensei em ir mascarada para lá, ou simplesmente ir com preguiça e levar o pijama vestido. O meu problema é com a CP, eles além de fazerem greves todos os meses, também aproveitam para fazer sempre durante as festividades, não deixo de achar que eles abusam do direito da greve, mas acho que quem decide o calendário escolar, já devia ter em conta que mais de 50% dos alunos daquela universidade, dirigem-se para lá no comboio da CP. 

Enfim, isto tudo para dizer que hoje baldei-me e amanhã vou-me baldar outra vez...
engraçado que não pus lá os pés, mas o meu cérebro fez-me sonhar com a aula. 
(deve ser para compensar LOL)

domingo, 10 de fevereiro de 2013

The Art of Getting By (2011)


George, a personagem principal, acredita que nascemos sozinhos, morremos sozinhos e tudo o resto é uma ilusão, as amizades, os amores e tudo o resto na vida. Por isso não encontra motivo para viver, para ir à escola, não percebe que lógica existe em fazer trabalhos da escola, porque afinal de contas tudo na vida é efémero. Até aqui tudo bem, fiquei a encarar um puto estúpido com pensamentos ainda mais estúpidos  mas ainda me deu alguma vontade de rir... mas depois surge a Sally, uma rapariga que a meus olhos ainda mais estúpida é e como estúpida também não faz das melhores decisões ao longo do filme. Não conto mais nada senão torno-me spoiler, mas tenho a dizer Asemnome, que infelizmente não gostei tanto do filme como tu gostaste, fiquei sempre à espera que acontecesse algo excitante e o facto é que nada de interessante ocorreu...

IMDb: 6,4
D.Pereira: 5,4

*Dia 10 - O que achas sobre pessoas que namoram/namoraram com amigos?


A maioria das pessoas têm medo de arriscar no amor, quando de uma amizade se trata, medo de estragar uma amizade, ainda mais se for de longa data. Mas já pensaram na possibilidade de estarem a desperdiçar o amor da vossa vida? Por experiência própria, digo-vos que a maioria das vezes a coisa corre melhor quando namoramos com alguém que já conhecemos bem à algum tempo em vez do namoro com um conhecido com quem conversamos bastante durante uns tempos e por acaso apaixonamo-nos pela pessoa que pensamos que é.

Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor

sábado, 9 de fevereiro de 2013

*Dia 9 - Como sabes que está na altura de terminar um relacionamento?


Acho que esta questão é difícil de determinar, principalmente se estivermos apaixonados é complicado para nós compreendermos que a relação já não dá mais, mesmo que as coisas estiverem mal, temos tendência de pensar que ainda têm arranjo, na nossa cabeça só surge o pensamento de "como é que uma coisa tão bela pode acabar assim, de um momento para o outro!?", mas é mesmo assim, nem todos os relacionamentos são feitos para durar para sempre. No meu ponto de vista, sabemos que está na altura de terminar uma relação, quando esta passa dos nossos limites daquilo que podemos/devemos suportar.

Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Desafio Perda de Peso 2013 - 3º e 4º Semana


Eu não fiz um post na semana passada com a 3º semana do desafio, mas tenho um bom motivo para não o ter feito, primeiro porque estive a fazer uma retenção de líquidos horrível e depois porque olhei para a balança e até me assustei com o peso, devia ter mais uns 3 ou 4 quilos a mais, por isso decidi nem registar o resultado porque tinha noção que não era real.

Só fiz 4 dias de exercício físico, na primeira semana fiz 3 dias, fiquei com as pernas num caco, depois decidi dar um dia de pausa, no dia seguinte não tive oportunidade de fazer que fui para a casa de uma amiga passar lá a tarde, noite e manhã e depois no domingo fui às compras (enfim um monte de desculpas), esta semana, é que foi a moleza total, passei tardes inteiras a engonhar no sofá, perdida pela blogosféra... enfim, só ontem é que fiz e ainda passei mal por isso.


Aqui fica o resultado desta semana:

Peso Inicial: 62,4 quilos

Peso Anterior: 61,6 quilos
Peso Actual: 61,2 quilos

Total : -400 gramas


*Dia 8 - Acreditas em "amor à primeira vista"?


Isso do amor à primeira vista é coisa de contos de fadas, agora na vida real não acredito muito. Nós até podemos sentir-nos atraídos por uma pessoa pela primeira vez que a vemos, podemos idealizar belo amor na nossa cabeça, mas como é que a coisa funciona se não conhecem a pessoa? Se não sabem como é a personalidade da pessoa, quais são as suas maiores qualidades e defeitos, os seus hábitos e tiques? Só acredito no amor, depois de existir uma convivência com a pessoa. 
 
Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Que susto...

Eu no meu estado de preguiça, pensei cá para os meus botões: "Daniela, devias enfiar-te na elíptica, estás de férias, não largas o pc e depois admiras-te que não tens sono durante a noite". Por isso fui enfiar-me durante 30 minutos na minha habitual rotina enquanto ouvia a má música que tenho na minha playlist de exercício fisico.

Quando parei, decidi fazer uns pequenos exercícios e alongamentos e de repente comecei a sentir-me mal, fui até à cozinha para beber água e comecei a ver tudo turvo, pensei cá para dentro "e agora? não tenho ninguém em casa, se calhar devia ir bater ao vizinho ou ligar para o 112", deu-me vontade repentina de vomitar, fui até à sanita e nada, deitei-me no chão pus os pés em cima do bidé (para fazer aquele ângulo com as pernas), uns minutos passou-me. 

Decidi não me enfiar logo na banheira com medo de passar mal de novo, fui um bocadinho ao pc entretanto e feita parva 10 minutos depois enfiei-me na banheira. Ainda não tinha tido tempo para lavar o corpo como deve ser, começo-me a sentir mal outra vez, sai rapidamente da banheira e deitei-me no chão toda molhada (ficou um serviço bonito ficou). Quando passou, passei-me só por água e vesti-me rápido e fui-me deitar um pouco e jantar. 

Já nem me lembrava como era sentir-me assim, ainda mais eu que tenho tendência para a tensão alta, ter quebras de tensão...

*Dia 7 - Arrependes-te de ter feito ou dito algo no teu relacionamento anterior?

 Nos meus relacionamentos anteriores, a questão é do que não me arrependo? O facto é que existe um aspecto qualquer em cada um deles e o único que não me faz dizer que me arrependo de tudo, é o facto de muitos dos aspectos me terem feito aberto os olhos para vários pontos da minha vida. Não vou falar do meu mais recente ex-namorado, porque já o fiz noutro dia, mas vou falar do relacionamento mais desastroso que tive e complicado que tive.

Éramos 4 amigos que iam frequentemente para ir a concertos de bandas garagem, eu, o A., a V. e o B, inicialmente tinha um crush pelo B., era aquela combinação de olhos azuis com cabelo loiro, alto e bem parecido, a V. gostava do A. e o B. gostava da V., ao longo que os comecei a conhecer melhor, comecei a ficar interessada no A., pelo B. era algo mais físico, com o A. era algo intelectual. 

Nesta altura a V. desabafava comigo, dizia-me que gostava do A. mas nunca conseguiu ter nada com ele e do outro lado ouvia o A. a dizer-me que achava a V. linda, mas que a achava vazia por dentro. Continuei a falar muito com os dois, até que um dia o A. beijou-me, sinceramente não me lembro como começamos a namorar, mas o facto é que aconteceu. 

A V. deixou de ser minha amiga, espalhou a meio mundo que eu era uma falsa e o B. não conseguiu conquistar-la. O grupo separou-se e deixamos de ir a concertos juntos. Fiquei aborrecida, principalmente por ter perdido a amizade da V. mas não a censuro. 

O nosso relacionamento começou a ficar estranho em Abril, os pais dele, convidaram-me para ir com eles a pé até Fátima, o A. tinha feito uma promessa no ano anterior, que se a avó dele se curasse do cancro, que ia lá a pé no ano seguinte e eu aceitei, não fui com eles desde o inicio, uns amigos da família foram-me deixar a meio mais a avó dele e mal lá cheguei reparei que ele não me apresentava como namorada ao resto da família e muito menos a uma rapariga amiga que costumava ir com eles todos os anos, engoli o sapo e deixei andar enquanto martelava por dentro. 

Ainda em Abril disse-lhe que queria que ele passasse o 25 de Abril comigo, no sitio onde moro, costuma haver uma grande festa, e ele disse que não, que não tinha nenhuma obrigação de estar comigo, que não era meu namorado. O facto é que o rapaz tinha grandes ataques, para umas coisas era a namorada dele, para outros já não interessava.  

Em Maio, estávamos a lanchar na casa dele e do nada ele diz-me com grande naturalidade que na noite anterior foi a uma festa e que curtiu com o A. com o B. com o C. com a D., com a E., enfim, com um monte de raparigas e rapazes, fiquei sem reacção, tanto por ele o ter feito, como também por dizer daquela maneira como se não fosse nada.

No inicio de Junho, veio-me com uma conversa de que estava farto que tivéssemos sempre a combinar coisas, que se quiséssemos estar um com o outro, estávamos e pronto. Um dia sai mais cedo da escola e decidi ir à casa dele, a caminho encontrei a avó dele que me disse que ele não estava em casa, que tinha ido a Lisboa. Mandei-lhe uma sms a dizer que tinha ido à casa dele e a perguntar o que ele tinha ido fazer a Lisboa. Ficou todo chateado, tanto por ter perguntado mas também por ter ido ter com ele e ficou sem falar comigo durante duas semanas até que soube que ele estava a namorar com a S. namorada de um amigo meu o A2 e num instante, eu passei a ser a outra e o meu amigo também o outro. 

O nosso relacionamento como é lógico acabou aí, mas ele continuava a mandar-me mensagens, talvez para me manter como recurso caso a coisa corresse mal. Uns dias depois, apareceu-me em casa, a chorar, a pedir-me desculpas, que foi um erro, que tinha terminado com ela e eu que no fundo estava obcecada por ele, perdoei, acabamos por nos envolver e à noite, quando chegou a casa, telefonou-me a pedir-me desculpa, que me tinha usado, que não tinha acabado com a S...

Durante meses mandou-me mensagens porcas, outras a desabafar sobre o relacionamento dele com a S. entre outras coisas. Um dia, disse-me que não se sentia atraído sexualmente pela S. que eu era o sexo da vida dele e ela o amor da vida dela e foi nesse momento em que finalmente abri os olhos, a minha obsessão passou apenas para ódio...

Se querem saber, não existe nada que não me arrependa nesta história.

  
Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

*Dia 6 - Acreditas em "tempos" num relacionamento?

Se há coisa que não acredito é em "tempos" numa relação, se existe algum problema, devemos discuti-lo com o nosso parceiro para resolver a questão e também não acredito em meios sentimentos, ou se gosta, ou não se gosta. Para mim, dar um "tempo" é só uma desculpa para se envolverem com outras pessoas.
Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor

Obrigado



Criei este blogue em Outubro de 2007 e na altura nunca pensei que o blogue poderia atingir tamanha dimensão. Comecei por escrever pequenos desabafos e apenas uns anos depois é que se tornou frequente escrever aqui, houve uma altura que não ligava a números ou a datas que decidi apagar aqueles desabafos do meu blogue, atitude da qual me arrependo imenso, não pelas recordações perdidas, porque existe coisas que prefiro não recordar, mas por não saber a data exacta de quando criei o meu espacinho. Por esse motivo nunca comemorei o aniversário do entre chávenas de chá. 
Ao inicio tinha alguns seguidores assíduos, a maioria amigos de escola, mas ao longo do tempo o número foi aumentando e eu fui-me envolvendo cada vez mais com este mundo, tornou-se um vicio, ler as vossas histórias os vossos dia-a-dias como também senti cada vez mais necessidade de partilhar um pouco de mim. 
Obrigado por estarem aqui comigo!

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

*Dia 5 - O que é mais importante num relacionamento?

Na minha opinião, como é óbvio, o mais importante num relacionamento é o amor, afinal de contas como é que pode uma relação resultar se não existe este sentimento um pelo outro? Mas como é claro, se amamos alguém, devemos respeitar e confiar...

btw estou aqui à séculos para escrever uma coisa fofinha e não me sai nada ...

2º Semestre

Em principio esta coisa feia vai ser o horário do meu próximo semestre, digo em principio, porque o horário só saiu hoje e já sofreu alterações e espero que continue a sofrer mas para melhor. Terça-feira com essa brincadeira de sair as 19h30, só vou chegar a casa pelas 22h00 e aquelas três horas de almoço, também não dão com nada, principalmente tendo em conta que 90% de nós não mora por aqueles lados. A maioria dos meus colegas têm uma disciplina a menos que eu, por isso têm a segunda-feira livre... e aquele projecto I bem que podia passar das 8h00 às 10h30, ficava bem mais feliz. Mas pronto, ainda tenho de fazer um plano para encaixar as idas ao ginásio da universidade no meu horário.

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

*Dia 4 - Já foste traído/a?

Se bem me recordo era inverno, porque chovia imenso nesse dia, recebi uma chamada dos amigos do meu primeiro namorado, diziam-me que tinha que ir ter com eles, porque tinham uma surpresa para mim. Por norma, as surpresas são coisas boas, mas nesse dia fui com o coração nas mãos. Constantemente com boquinhas e risinhos da parte deles, fomos até à casa dele.

O C. é 6 anos mais velho que eu e vivia sozinho desde que o pai dele faleceu, era uma casa pequena e sem portas a dividir as divisões. Bati à porta várias vezes, os amigos bateram nos estores, até que ele veio abrir a porta, apenas de boxeres e de tronco nú, olhei pela sala até ao quarto e estava lá a C., a ex-namorada dele, apenas com uma camisola e cuecas. No momento não soube reagir, apenas sentei-me e comecei a chorar, a D. uma amiga dele, não se controlou e partiu para cima dele à chapada. 

Não me consigo recordar o que fiz depois disso, apenas sei que 1 mês depois, fui na burrice de o perdoar... para ele ter oportunidade de fazer a mesma porcaria com outras duas raparigas. 

* Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor

domingo, 3 de fevereiro de 2013

*Dia 3 - Como é a relação com o/a teu/tua ex?

Eu e o G., ainda os chavalecos (2007)
Não fiquei amiga de todos os meus ex-namorados, um deles nem o posso ver à frente e ignoro-o quando passa por mim. Mas mantive-me amiga de alguns, especialmente do G., a nossa relação não passou de uns quantos beijinhos na escola e teve a duração de aproximadamente 2 meses. Ambos chegamos à conclusão que tivemos apenas algo platónico, acordamos que ficaríamos melhor sendo amigos e realmente tínhamos razão. Hoje em dia o G. é um dos meus amigos mais próximos.

* Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor

Avanços

Acho que já fez duas semanas que passei no exame de condução e depois disso nunca mais peguei num carro, para ser sincera estava a morrer de medo de o fazer. Ontem à noite, finalmente peguei no carro (a gasolina) pela primeira vez e não foi tão assustador como pensei. Com o tempo chego lá. :)

sábado, 2 de fevereiro de 2013

Boa noite

Ontem fui a uma festa de pijama na casa da I., como sempre fizemos uma maratona de filmes, comemos um monte de coisas que não devemos, algumas só conseguiram ver um filme, outras (como eu) ficaram acordadas o tempo todo até desistir por ser a única. Claro que isto resumiu-se a umas pequenas horas de sono mal dormidas e o resto de um dia a bater com a cabeça em mesas só para não cair na tentação de não dormir à tarde e deitar-me cedo como uma linda menina. Agora vamos ver, se não acontece como o habitual e fico a olhar para o éter até as tantas da manhã.

Até amanhã :)

*Dia 2 - Já mudaste por alguém?


15 de Outubro de 2008

"Uma menina bonita, não mostra emoções, uma menina bonita, terá sempre um sorriso no rosto, porque é isso que as meninas bonitas fazem, mantêm-se firmes há frente de toda a gente, sempre com o sorriso esboçado e todos os maus sentimentos apenas ficam quando não está ninguém em redor, todas as lágrimas, todas as angustias e frustrações ficam em casa. As meninas bonitas são sempre perfeitas, não expressam o que sentem e tudo o que achas que é correcto, todas as tuas atitudes, se tornam perfeitas para ela, porque as meninas bonitas, não podem demonstrar opiniões, apenas concordar com elas, porque e isso que faz delas umas lindas meninas, e eu... eu não sou uma menina bonita, eu tenho opiniões fortes, eu quero mudar o que acho que está errado, eu quero dar as minhas opiniões, e para ti tudo o que digo está errado, mas tu és um homem e como todos os homens a tua opinião, é a única que conta e eu tenho de mostrar a faceta da menina bonita, seguindo sempre o que não me agrada, apenas o para ti está certo. Eu não estou contigo, porque é isso que queres, eu não me expresso, porque é isso que queres, eu já não choro, porque é isso que queres e a pouco a pouco, limitei-me a tornar numa menina bonita, mas não é isso que eu sou, eu sou um ser emotivo, com fortes opiniões e maneiras de ver diferentes de todas as tuas, e eu pensei que fosse isso que gostavas em mim, da minha forte personalidade, mas o que tu gostas é do ser que crias-te em mim."

p.s: as coisas acontecem sempre por algum motivo e ainda bem que assim o foi. hoje sou muito feliz com o meu M.

 
* Desafio de Fevereiro - 28 perguntas e respostas sobre amor

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

*Dia 1 - Qual foi o relacionamento mais longo que tiveste?

(má qualidade e cara de parva) Agosto, 2012
Já tive relacionamentos ridículos que duraram coisa de 1 mês ou menos, outros que duraram pouco mais de meio ano, um que quase chegou a um ano, mas o relacionamento mais longo que tive foi com o meu M., vamos fazer 4 anos dia 28 de Abril deste ano.